MAURO PIVA [parceria com a Galeria Leme - SP]

Mauro Piva apresenta série de aquarelas e pequenas esculturas de madeira

"No âmbito dos “Projetos especiais” da galeria, Mauro Piva apresenta a partir de dia 31 de agosto uma série de aquarelas e pequenas esculturas de madeira.

Os trabalhos desta série de aquarelas, iniciada em 2014, são inspirados nas visitas de joaninhas que o artista frequentemente recebia no seu novo ateliê e rapidamente passaram a fazer parte do seu cotidiano de trabalho. As joaninhas apareciam quase diariamente e caminhavam por todo o pequeno jardim, nos fundos de seu ateliê. Mas um dia elas sumiram por conta de um tratamento que foi feito para as plantas. Mauro, então, começou a pintar a presença das joaninhas, a partir de fotografias que tirava delas nas plantas do jardim e, mais tarde, passou a esculpir e pintar joaninhas, e a espalhar essas pequenas esculturas pelo espaço.

Trata-se de uma série de trabalhos muito pessoal e intimista do artista. “Pensei muito sobre a relação que estabeleci com as joaninhas, e de que como elas agiam quase que como agentes catalizadores de boas energias. Me dei conta de que elas não me traziam sorte ou felicidade, mas me faziam lembrar que eu tinha o poder de me fazer sentir bem, de despertar bons sentimentos que temos dentro da gente”, diz Mauro.

Mauro Piva conta que “além de um resgate de momentos, histórias e emoções, esta série se tornou também uma catalogação das plantas que tenho/tive em meu ambiente de trabalho. Assim como os trabalhos dos meus testes de cores e registros de cores em papéis higiênicos, esta série é um olhar para meu cotidiano de trabalho, para meus processos, para mim mesmo”.

Recentemente, entre 18 de fevereiro e 22 de julho, o Instituto Figueiredo Ferraz (Ribeirão Preto/SP) acolheu algumas obras desta série.